Entrevista com Leonard Ravenhill – Parte 1/3

HomeVidasEntrevistasEntrevista com Leonard Ravenhill – Parte 1/3

Eu fui salvo aos 14 anos. Hoje estou com 84, quase 85. Então, eu quero dizer que por 70 anos tenho visto todos os tipos de tragédias na igreja, guerras e rumores de guerras, homens populares irem e virem, e assim por diante. Mas ao continuar olhando para Jesus, lendo a Palavra e lembrando esses caminhos antigos que meu pai costumava falar muito, todas as outras coisas eram como trivialidades. Eu disse muitas vezes que eu não vim a Jesus como um antigo hino Inglês, que costumávamos cantar muitas vezes, dizia, “Eu cheguei a Jesus pois eu estava cansado e desgastado” eu não vim por isto, porque eu tinha 14 anos e eu não entendia o zelo do meu pai por Deus.

Eu não vim porque eu estava convicto do pecado. Eu vim por causa das lacunas na minha vida. Por exemplo, ele apreciava a leitura da Palavra de Deus e ele apreciava indo para reuniões de oração que duravam meia noites de oração. E também, mais do que qualquer outra coisa, ele gostava de ser um pregador nas esquinas das ruas. E que… você se lembra o hino, “A minha fé olha para Ti, ó Cordeiro do Calvário”? Bem, a última estrofe diz: Que tua rica graça conceda Força ao meu fatigado coração, Meu zelo inspira. E meu pai havia inspirado zelo. Deus levantou o mendigo do monturo. Ele mudou completamente o meu pai. Ele mudou para um determinado sistema de religião que o fez temeroso e apavorado da sagacidade de pregadores e tudo o mais. E ele nasceu de novo maravilhosamente através da pregação de David Matthews, que passou pelo Avivamento Galês. E foi ele que escreveu o clássico, que ainda é um clássico, “Eu vi o Avivamento Galês”.

Bem, meu pai nunca tinha estado em reuniões como aquelas, com o fervor e a alegria. Particularmente eu me lembro de ver David Matthews quando eu tinha cinco anos de idade. Eu nunca tinha visto alguém pregar daquela forma. A sua boca tinha uma forma oval e ele tinha um cabelo ondulado preto e ele tinha um zelo e uma alegria no Senhor que se mexeu e o meu pai foi salvo. Bem, como resultado disto, como eu disse, ele tornou-se fervorosos no espírito servindo ao Senhor. Eu nunca o vi abatido. Eu nunca o vi sugerir a respeito de desistir. Mas, quero dizer, quando ele foi salvo, ele jogou fora seu interesse no futebol profissional e tudo mais. O que, naturalmente, se tornou um estilo [de vida] na Inglaterra.

Depois que você fosse salvo, você nunca ia a um cinema, você nunca ia a um jogo profissional. Pois há tanta profanação nestes locais. E quando eu vi isso e eu vi a alegria, apesar de nós vivermos em uma pobreza relativa. Não tínhamos muito dinheiro pois meu pai era um operário. E, como resultado disto, como eu disse, aos 14 anos ele me levava para uma reunião de meia-noite de oração com outros três homens lá. E eles oravam, e o meu pai, que era um homem grande, tirava o seu casaco à uma hora da manhã em uma sala que não tinha aquecedor e orava com fervor e lágrimas. A partir daquele dia, eu reconheci que havia algo muito além do que um Cristão padrão tinha. E, depois disto, claro, fui para as classes Metodistas e eu tinha 14anos e estava cheio da alegria do Senhor e, quero dizer, as pessoas falavam como se Deus vivesse com eles o tempo todo, e Ele viva. E havia o mesmo tipo de zelo lá.

Quero dizer, mesmo nos dias de volta a 19… bem, em torno de 1912, pouco antes de a Primeira Guerra Mundial acontecer, tinha meia hora de músicas cantadas antes do serviço da noite de domingo, mas eles não cantavam coros, exceto coros de hinos. Oh, eles cantaram grandes hinos como “E pode ser” e por aí vai. E você via homens que explodiam na reunião quando eles estavam cantando “e pode ser que eu deva ganhar”… e de repente [gritavam] “Minhas correntes caíram!”, um velho homem pulava e as lágrimas rolavam em seu rosto. Ele iria gritar isto até o final, à nossa esquerda nós víamos uma mulher. E eu costumava observá-la porque o seu pescoço começava a ficar vermelho e, em seguida, ela estourava de repente com um “Aleluia!”, sabe? Nós falamos sobre a alegria do Senhor, mas eu nunca havia visto nada como aquilo. Então, nesse mesmo período Samuel Chadwick estava pregando em Lees e ele teve um avivamento à nível local em Lees. E, as conversas em nossa casa, pois nós quase nunca tínhamos um jornal. Não havia nenhuma conversa sobre filmes, obviamente, pois eles estavam apenas começando a surgir naquele período. Era tudo sobre Deus e sobre os missionários e assim por diante. Papai me levou para vê Patrick Whelps, que fundou a ‘Missão de Resgate ao Japão’. Quando eu tinha cerca de 12 anos, eu acho, eu ouvi C. T. Studd dar uma lição pela manhã. E depois vi a Sra. [Mildred] Cable e a Sra. Francesca French, que atravessaram o deserto de Gobi na China, e todos esses tipos de [pessoas]… meu pai ia aonde quer que houvesse algum local fervoroso…

Naquele período Doncaster ficava ha 25 milhas de distância de nós. Bem, havia uma comunhão pentecostal lá. E eu esqueci o nome do professor de Bíblia, mas meu pai tomava um ônibus para a cidade, e outro ônibus da cidade para Doncaster e depois andava o resto do caminho para a congregação e ficou lá no uma semana e voltou radiante dizendo como que tinha sido o encontro no cenáculo que estava apenas começando a ser feito, porque [Smith Williams] foi um dos os professores lá e todos aqueles caras. E ninguém naqueles dias, com desdém, diziam que “cura pela fé é falsa cura”. Pois tinham evidências vivas de pessoas espontaneamente saindo de cadeiras de rodas e assim por diante. Mas não foi apenas isso. O principal era a transformação na personalidade. Eles voltavam para as igrejas e tinham reuniões de oração… Em nossa cidade, tinha um pequeno homem que eu acho que ele não pesava acima de50 quilos. E por anos ele jejuou e orou. Ele era um pentecostal desprezado.

De fato, sua esposa disse que, ao ouvi-lo orar, quando estava em outra sala, era como um homem tendo um encontro pessoal com Deus. Ele lutava com Deus. Então George Jeffries veio em 1927 e toda a cidade foi sugada em três semanas com o Espírito Santo. E a igreja está lá hoje. É chamada Bridge Street em Lees, Inglaterra. E aquela igreja ainda esta lá… e ela está em seu terceiro alargamento. Enquanto as outras igrejas estão diminuindo, eles ainda são os mesmos. Eles nasceram no fogo, eles mantiveram o fogo. Mas eles mantiveram a oração o tempo todo. Bem, depois destas coisas, eu estava em uma fábrica trabalhando um dia e eu ouvi uma voz dizendo: “Siga-me.” E eu me virei e foi tão real. Eu tirei a minha fita do pescoço. Eu era um cortador de alfaiate. Eu coloquei minha tesoura no chão e orei, e eu me lembro de ter dito claramente ao Senhor: “Senhor, não somente eu não vou voltar, eu não vou nem sequer olhar para trás. “E naquele dia eu me inscrevi para ir ao Cliff College e, em seguida, Chadwick era o diretor lá e “Pássaros com a mesma pluma voam juntos” (provérbio). Assim, um grande personagem na América naquele tempo era o A. B. Simpson, fundador da Aliança Cristã Missionária. E também na Escócia, havia um homem com o nome de Mcintyre que escreveu um pequeno livro “Hidden life of prayer” (Vida oculta de oração).

É um dos clássicos. Ele ainda esta publicado. Bem, esses três homens… Claro que através do Atlântico não havia telefone naqueles dias e o correio era lento, mas eles se comunicavam o tempo todo porque eles estavam em um mesmo nível. Bem, Chadwick saiu e em frente a sua igreja em Lees tinha uma grande estátua da Rainha Vitória com uma grande extensão na frente dela. E os homens costumavam ir para lá pregar. Bem, um ateu ficou ali e ele ria das pessoas que saiam da igreja e desprezava-os e lhes dizia “Um homem se mantém em um castelo de covardes, o púlpito. Pois ele fala por apenas uma via e vocês não podem […] me escutem! “E eles escutavam. Bem, Chadwick saiu e escutou a este homem desprezar a Bíblia e tudo o mais. Bem, um dia ele disse, “Ouça. Eu já te ouvi por três semanas. Você não se atreveu a entrar e me ouvir. Venha me escutar.” E o ateu disse: “Eu vou à próxima semana.” Então ele veio e havia uma grande galeria e em frente ao pregador tinha um relógio e este homem, o líder, começou a chorar atrás do relógio, e então outros 10 homens choraram com ele, e todos eles vieram ao altar na primeira noite que eles estiveram lá e então ele falou todo o testemunho do ateu. E então ele limpou toda a influência diabólica na comunidade… e teve um avivamento em um nível local. E era tudo oração. Quero dizer, ele escreveu o livro “O Caminho para Pentecostes”. E depois ele escreveu o livro “O Caminho da Oração”. E é ali onde ele vivia e foi aí que ele gravou isto em muitos de nós… pois nós vimos um exemplo vivo de um homem que andava no poder do Espírito.

Bem, então eu falei por muito tempo sobre isto, mas não vou. Todo o tempo eu tentei me alimentar, eu recolhi livros e tenho uma prateleira de livros sobre oração e uma pilha inteira de livros sobre Avivamentos Históricos, o qual nós não temos mais. Que eu saiba a América não teve um avivamento nos últimos 70 anos. Quero dizer, o avivamento que fecha as lojas e assim que as pessoas chegam em casa elas querem voltar para o santuário e elas não ficam das a sete horas da noite até as oito. Vão das oito até meia-noite e depois, quando o Espírito Santo realmente vem. Eu acho que, muitas vezes nós estejamos orando na Inglaterra para o Espírito Santo vir, mas para o que é que nós queremos que Ele venha? Apenas para aumentar os nossos números? Só para que os nossos filhos não vão para odiado? Quero dizer, será que estamos zelosos pela glória de Deus? E para mim, é sobre isto que avivamento se trata. Avivamento é uma invasão de Deus pelo Espírito se os EUA não tiver um avivamento nos próximos 10 anos, vai ser horrível viver neste país. Crime está em descontrole. A Imoralidade abundante. Herpes, AIDS, todo o tipo coisa diabólica está prosperando. Sem falar no poder das seitas multimilionárias. . Por isso, é imprescindível que tenhamos um avivamento.

[Entrevistador] : Paulo disse: “Quisera eu me suportásseis um pouco mais na minha loucura. Suportai-me, pois. Porque zelo por vós com zelo de Deus; visto que vos tenho preparado para vos apresentar como virgem pura a um só esposo, que é Cristo. Mas receio que, assim como a serpente enganou a Eva com a sua astúcia, assim também seja corrompida a vossa mente e se aparte da simplicidade e pureza devidas a Cristo. Se, na verdade, vindo alguém, prega outro Jesus que não temos pregado, ou se aceitais espírito diferente que não tendes recebido, ou evangelho diferente que não tendes abraçado, a esse, de boa mente, o tolerais.” (2Cor 11:1-4)

Ravenhill: Sim.

[Entrevistador]: Existe outro evangelho que estamos ouvindo?

Ravenhill: Certo.

[Entrevistador]: Existe um outro Evangelho? Que evangelho é esse?

Ravenhill: Bem, na Inglaterra nós o chamávamos de Modernismo, mas vocês o chamam de Liberalismo aqui. Quero dizer, os batistas agora tiveram por um longo tempo a discussão se a Bíblia é realmente a Palavra de Deus? Quer dizer, podemos todos nós trocá-la… É como eu disse muitas vezes, nós a revisamos, mas Deus nunca a revisou. E eu ainda acho que a King James Version é a melhor das versões. E aqueles antigos pregadores pregavam com ela. Eu acho isto irmão: Nós temos quase nenhum pregador na América. Todo mundo está de ensinando, ensinando, ensinando. Eu acho que tenho 500 fitas lá dentro… Eu acho que tenho 40 fitas que recebi no primeiro mês deste ano. Você deve ler a minha interpretação do Apocalipse. Você deve ler a minha história. Há pelo menos 50 João Batistas no país. Ou pelo menos é o que eles acham que são… Se um homem diz: “Eu sou João Batista”, eu pergunto: “Você já aumentou o seu seguro de vida? “Ele diz: “Por quê? “Eu digo: “Você só vai viver seis meses. “Ele responde: “Oh, não, não, não”. Mas não estamos pregando o evangelho.

[Entrevistador]: O que estamos pregando?

Ravenhill: Bem, há dois grupos. Há um grupo que está pregando sinais e maravilhas todo o tempo. Há um outro que diz que é Amor e Sinais… E se forem sinais e maravilhas, em nome de Deus, o que você faz com Judas? Ele viu tudo o que Jesus fez e veja o que ele fez. E olha para alguns dos caras que tinham pregado sobre o Espírito Santo e milagres? Onde estão eles agora? Um deles esta na cadeia. O outro está na sarjeta. Temos de voltar para a cruz. “E eu, quando for levantado da terra, atrairei todos a mim mesmo” (João 12:32) Quando você lê a estrada para Emaús … ao descer a estrada para Emaús diz que Jesus abriu para eles as Escrituras. Então ele abriu os olhos. Então lhes abriu o entendimento. Mas em seguida, só pensar que, ao ler o último capítulo de Lucas, diz uma das coisas mais maravilhosas, que eles se sentaram e conversaram com Jesus e tomaram café da manhã com ele. Um deles partiu o pão e Lhe deu pão e o outro quebrou um favo de mel. Você consegue imaginar você dando a Jesus pessoalmente favos de mel e ele colocando a mão para pegá-la e tem um buraco de prego no meio? E eles viram o milagre mais impressionante da história, a ressurreição de Jesus dentre os mortos. E após minutos, ele diz: “Vem comigo”. E eles foram e vira o próximo milagre espantoso, a ascensão de Jesus aos céus. Será que eles não poderiam viver por essas experiências?

“Não há um demônio no inferno que nos moveria, afinal nós tomamos café da manhã com Jesus, conversamos com Jesus, nós compartilhamos uma refeição com Jesus.” Você não poderia viver por isso para sempre? Jesus diz: “Não, você não pode.” “Bem, nós O vimos ascender aos céus. Não muitos de nós, mas nós o vimos. “Os dois [milagres] mais marcantes… e ainda assim, Jesus diz: “Fica até que sejais revestidos” (Lucas 24:49) Você não pode viver pela emoção. Esse é o problema com uma das coisas mais horríveis que eu saiba que acontece no evangelismo hoje, é que não valorizamos a alma humana. Quando vamos ser sérios sobre sermos sério; sobre a coisa mais séria da face da terra o nascimento das pessoas no altar. Eu assisti o encerramento de um culto em Dallas há algumas semanas. No final cerca de 15 pessoas vieram à frente e, em quatro minutos, eles disseram uma oração e foram embora. Bem, a minha reação a isto, irmão, foi esta: Eu não posso levar o meu carro para um lava-jato e lavá-lo em quatro minutos. E eles podem passar da morte para a vida? Eles podem pôr fora o velho e colocar o novo homem, como você usou afigura de linguagem? Será que eles podem casar-se com Cristo em quatro minutos? Claro que não. Na verdade, quando você lê “Sete Pioneiros Pentecostais” (Seven Pentecostal Pioneers), um livro que todos deveriam ler porque ainda está impresso, ele diz que eles tinham um lugar onde eles tinham reuniões durante três semanas. E eu esqueci agora os números. Mas era algo como 964 pessoas vieram para a frente e todo mundo foi tratado pessoalmente. Costumávamos ir para uma cidade sem dinheiro e uma montar uma tenda e ficar lá por 12 semanas e a igreja ainda está lá; 60 anos depois. Mas todo mundo vinha para o altar. Se você viesse, eu viria com uma Bíblia ao seu lado e perguntariam qual era seu problema. Se você queria ser salvo nós te ensinaríamos através das Escrituras. Se nós gastássemos uma hora, e daí? Eu não costumo mais assistir televisão. Mas eu assisti um especial, tinha um especial há cerca de três anos atrás e, entre todas as coisas que eles estavam mostrando, era um especial… do que vocês costumam chamá-los agora? … bem, era um especial de animais que falava sobre o nascimento de uma girafa. E eu disse a Marta, “Bom, querida, eu quero ver isso”. Então, de qualquer forma, o cara disse: “Agora, escute. Eu já passei por isto uma vez, mas deixe-me mostrar para vocês…” E ele trouxe esta fêmea. Ele disse:

“Olhe. Sua cabeça fica há 4, 2 metros da terra”, o que eu achava que era um longo caminho. “Agora, aqui é um macho. Sua cabeça fica há 5, 7 metros no chão. Agora veja” E ele disse “Eu já passei por isso, então veja. “E ele disse: “Vamos trazer a câmera diretamente para a frente da girafa. “E Ele disse: “Agora, olhe. Ela está abrindo as patas de trás. Você vê aquela coisa preta pendurada? Isso é o seu pequeno bebê e ele vai cair de cinco a seis metros, de acordo com a altura do animal, em um leito de palha”. Então, quando eu pensei sobre o evangelho o meu coração se quebrou…Por quê? Porque eu assisti que coisa e ele disse: “Agora veja o pescoço agora. Você vê a coisa está vindo agora. Agora, preste atenção, cuidado” o disse. “Aí está”. E a coisa caiu na grande cama de palha. E ele disse: “Isso leva entre três e quatro horas. “E ele disse: “Agora, preste atenção. “E a coisa tentou levantar-se e rolou. Ela tentou novamente, e rolou para o lado. E ela tentou de novo, e rolou novamente. Ela tentou de novo, ele rolou para o outro lado. “Agora, observe atentamente”, disse ele. E na próxima vez que ela tentou, a mãe pois uma pata atrás de suas costas e a ergueu e ela se levantou. E ela se virou e acenou, a pequenina coisa acenou. E ele disse: “Isso leva cerca de quatro horas”. Então eu fui para o quarto para orar e Marta me perguntou: “Qual é o problema? “E eu disse “Querida, leva quatro horas para um bebê de girafa nascer. E não leva quatro minutos para alguém nascer naqueles altares de hoje. Bem, eu ouvi alguém dizer mais de uma vez: “Apenas fique alguns minutos”. Ficar alguns minutos? Em nome de Deus! O que você quer dizer com ficar alguns minutos? O Getsêmani foi alguns minutos? A tentação no deserto foi poucos minutos? Estamos tentando fazer as pessoas… Eu garanto que nem 5% das pessoas na América ou Inglaterra são genuinamente nascidos de novo do Espírito. Eles nasceram de novo de uma decisão. Alguns deles abandonam alguns hábitos ruins e alguns deles não, eles voltam direto para trás. E então eles vão te dizer “Não há nada no Cristianismo”. Querido irmão, eu estava neste determinado lugar e eu tinha pregado sobre o novo nascimento pois eu pensei que tinha uma boa liberdade. E eu disse: “Se alguém de vocês quiserem esta experiência, do nascimento em Cristo venha para a frente”. Então os homens vieram pelo corredor e foram para a sala da direita e as mulheres foram para a da esquerda.

Assim, havia uma meia dúzia em cada grupo. Bem, isso foi… nove horas. E ficamos na sala até as 10 ajudando os homens. E eles estavam realmente quebrados diante de Deus. Em seguida, às 10 horas, houve uma batida na porta e eu disse, “Pode entrar” E era o pastor. E ele disse: “Posso trazer esta dama para dentro para você orar com ela? “Eu disse, “Eu vou se você vai ficar. “Ela era uma linda loira. Ela, logo foi para o chão e explodiu. Ela disse: “Eu quero te dizer algo Mr. Ravenhill. Eu disse, “Bem, me diga. Eu vou ouvir”. Ela disse: “Esta é a 14a vez que eu venho para isto. Eu fui a uma escola bíblica por três anos. Tivemos três avivamentos por ano e cada vez que eu fui, foram nove vezes. “E ela disse: “Desde então, quando eu estou em outras reuniões, alguém desliza o braço em torno de mim e diz: ‘Não se preocupe, querida. Jesus pagou tudo. Ele sabe que quando você disse que está arrependida e é tudo isto o que importa. “E eu disse: “Isso não é verdade. “E eu disse: “Vamos ficar aqui com você até quando você realmente começar a ter um relacionamento real com Deus. “E nós ficamos. E ela passou da morte para a vida. Como que eu sei? Porque dois anos depois que eu estava passando naquela igreja, ela estava saindo com uma Bíblia e o pastor me disse:”Essa é a mulher que você orou pela última vez que você esteve aqui. Ela é a melhor professora de bíblia que temos. Mas, a questão era que, antes dela ser salva, na época do colégio bíblico, ela tinha se casado, se divorciado, ela teve um filho, ela tinha um coração quebrado, uma vida quebrada.”O que teria sido evitado se ela tivesse sido salva pela primeira vez. Mas ela não foi salva. Ela tinha feito uma decisão mental. Ela queria ser melhor. Ela queria ir para o céu. Mas quantas pessoas realmente querem saber … Quero dizer… Não é a essência de o Cristianismo ter Cristo dentro de você, a esperança da glória? Não existe nenhuma outra religião no mundo aonde Deus vem e vive dentro dele. Nós Fazemos parecer como: Se você for salvo, obviamente, você irá desistir de todas as suas alegrias, você irá desistir de seus loucos hábitos. Você não vai mais ao cinema, você não vai aos jogos de futebol. Pois Cristo é tudo que você quer. Mas, por outro lado, e a paz que excede todo o entendimento? E sobre uma casa eterna nos céus? E sobre o aspecto eterno? Nós não apresentamos isto. Eu tinha dois companheiros aqui na outra semana e eles vieram de uma certa instituição, eram do Seminário de Criswell. E um deles disse imediatamente: “Eu sei como colocar um sermão junto. Eu sei como unir palavras, mas eu não tenho poder. “E o outro homem explodiu daquele lado e disse que acabou de abrir uma notícia e ver a sua foto lá dentro. Ele disse, “Bem, não fui eu que coloquei… foi outra pessoa”. Eu disse: “Mas você é um pregador. “Ele disse, “eu tive 300 pessoas salvas nos últimos três meses.” [E eu disse] “Como você sabe? “E ele não tinha uma resposta. “Bem”, ele disse: “Eu não sei. Muitas vezes eu me pergunto. Eles saem após a oração e vivem da mesma forma. “E eu disse: “Eles não voltam se eles nascem novamente. Você se torna uma nova criatura. “Se alguém, em qualquer lugar a qualquer momento, estiver em Cristo… E não há melhor exemplo do que do David Wilkerson com todas as pessoas que ele atinge, anão ser o da, não sei se você conhece, Jackie Pullinger. Você conhece a Jackie? Bem, ela esteve aqui para me ver. Ela não volta para casa antes das 10 horas da noite. Ela vai para as sarjetas, e lavai para os desamparados. Ela vai para as prostitutas. Ela vai para os homens que fumavam ópio por 50 anos. Ela vai para as mulheres que se prostituem por 40anos. Você tem que ter um evangelho. Você não pode dar um apelo mental para este povo. E ela fica com eles até que eles nasçam de novo do Espírito de Deus. Essa é uma das obras mais surpreendentes no mundo, até onde eu sei. Mas onde estão as pessoas? Você pega um bolo de pessoas que tenham feito uma profissão de Cristo nos últimos anos em nossas cruzadas e coloca aqui e pergunte. Um missionário veterano da América do Sul me disse: “Antes de vir para cá, irmão Ravenhill, eu estava conversando com um veterano missionário e ele disse: “Irmão, se você somar todas as cruzadas na América do Sul e todo o povo… Todo mundo da América do Sul esta sendo salvo cinco vezes nos últimos 15 anos. “E não é a mesma coisa neste país [EUA] ? Será que estamos tão longe … quantas pessoas vieram para a reunião? Quantas pessoas vieram para a frente? Por que é que as igrejas não estão crescendo? Eu tive um advogado me ligando de uma das maiores igrejas do país, dizendo “Mr. Ravenhill, no mínimo 1.000 pessoas caminham pelo corredor de nossa igreja todos os anos e, após três anos fazendo isto”, disse ele, “a igreja ainda tem o mesmo tamanho. Nós ainda temos a mesma capacidade de assentos. As reuniões de oração, não aumentaram. Não há provas, exceto que estas pessoas vêm para a frente todos os domingos. “Por que eles vem?

Como eu disse a você anteriormente, querido irmão, as trevas deste dia é o dom da igreja para o mundo, as reuniões de rua sumiram. Querido Deus, temos todos os tipos de ministérios ao redor, mas [o alfaiate] vai para o inferno. Quantas igrejas temos, as mega-igrejas em Dallas? Eu acho que você não pode encontrar uma [reunião de] rua. Eu passei 50 anos da minha vida em reuniões de rua. Todo sábado à noite eu saía às 21:30 até a meia-noite para mais tarde, toda noite… Podia estar nevando ou chovendo ou o que quer que seja. Nós saímos para o mesmo lugar e as pessoas saíam das tabernas e das casas de filmes às 10 horas e ficávamos uma hora ou duas horas no frio. Não em edifícios com ar condicionado, não agradáveis, sem cantores atraente, somente testemunhos. Eu chamava um homem e dizia: “Este homem estava na cadeia, este homem costumava correr ao redor com mulheres, este homem tem um registro de prisão. Este homem ali costumava bater na sua esposa e eles se transformam. Esta menina era uma prostituta. E colocava-os ali, ao vivo e a cores e ninguém podia argumentar. As pessoas levantavam e diziam: “Por que você é o único pregador na cidade que faz isto? “[E eu respondia] “Eu não sei, a não ser que Deus me disse para fazê-lo e eu o faço. “Mas é lá onde o povo perdido está. Um homem seria um idiota se comprasse equipamento de pesca de 100 dólares e pescasse em sua banheira. E é isso é o que estamos fazendo na igreja. Estamos pescando com as mesmas pessoas toda semana e as pessoas estão morrendo sem Deus. Estou contente, querido irmão, que fui criado em uma igreja onde tínhamos … Eu sei que os pregadores estão normalmente embarcando. E eu devorei o hinário Metodista há 80anos. E eu posso ainda recitar dezenas e dezenas de hinos. E um foi escrito por Andrew Bonar: Vá, trabalhando: gaste e seja gasto, Tua alegria de fazer a vontade do Pai:É o caminho que o Mestre foi;Não deveria o servo trilhá-lo firme? Homens morrem na escuridão ao teu lado, Sem uma esperança para animar o túmulo;Pegue a tocha e balance amplamente, A tocha que ilumina mais espessa escuridão do tempo. [traduzido livremente] Eu vou para as reuniões de oração. Alguém ora e, logo após, alguém orava as orações de uma das maiores de mulheres modernas lá da Índia… Qual era o nome dela?

[Entrevistador]: Amy Carmichael

Ravenhill: Sim, obrigado. Amy Carmichael. Você sabe:

Dê-me um amor que lidere o caminho, a fé de que nada pode desanimar, a esperança que nenhuma desilusão canse, a paixão que queima como fogo. Não me deixes afundar a ser um tolo. E a mulher pesava aproximadamente 45kg. “Faça-me teu combustível, ó, chama de Deus”. Ela nunca se casou. Ela comprou uma passagem de ida para o campo missionário. As pessoas vão agora. Tem muito dinheiro hoje na igreja. [Então dizem:] “Oh, nós adoraríamos que você voltasse para o Natal e Ação de Graças. Volte. “Assim, eles rompem e voltam, eles voltam mas estão fora de sintonia. Eles tem que ir com uma câmera, eles tem que ir com um monte de coisas. Você não encontra os missionários antigos indo como costumavam ir. Jackie comprou um único bilhete para Hong Kong quando tinha 19 anos, e ela tem 44 agora. Ela ainda está lá. Ela derramou um milhão de lágrimas, mas ela tem tido alguma das mais infames pessoas salvas lá. Quantas pessoas vêm para a frente em sua igreja e você pode voltar depois e dizer: “Você veio ao altar ontem, o que aconteceu em sua vida? “Acho que todo mundo que vem para o altar, devemos visitá-los durante a semana e ter a certeza de que eles passaram da morte para a vida. Porque o que acontece? Eles dizem: “Bem, eu foi para o altar duas vezes e eu nunca recebi nada.” Bem, eles não podem. Porque eles o fizeram mentalmente. Eu não vejo nenhum quebrantamento. Eu vejo as crianças virem para a frente em cruzadas [evangélicas] , rindo e dando as mãos. E quando vão para fora, a primeira coisa que eles fazem é parar em um lugar de cachorro quente ou algo assim. Eles não vão para casa chorar e ler a Palavra para descobrir se é verdade. Eles voltam cheios de festa e cantando versos. “Tivemos uma tempo maravilhoso”. Mas o que é que nós estamos fazendo? Ônibus

[Entrevistador]: O verão já findou.

Ravenhill: A sega passou.

[Voz]: “Passou a sega, findou o verão, e nós não estamos salvos.” (Jeremias 8:20) É isso que você está dizendo?

Ravenhill: Sim, o que estou dizendo, querido irmão. Eu não acredito que tenhamos chegado à consciência como algumas pessoas… Como uma das coisas clássicas que Dr. Tozer costumava dizer muitas vezes ele diria:”Bem, Len, lembre-se que quando o nosso famoso pregador americano D. L. Moodyfoi para Londres. O primeiro dia que ele pregou, eles riram de suas roupas “americanas”. No segundo dia eles riram de seu estilo. No terceiro dia na Universidade de Cambridge tinham homens lá rindo “E ele disse: “Senhores, vocês podem rir do meu estilo, rir do meu americanismo”. Mas ele disse: “Em nome de Deus, não dêem risada da Palavra de Deus. “A Palavra que ele tão logo manusearia, era a iluminadora de culpas. O que aconteceu? Aqui está um homem sem estudo, ele tinha com paravelmente nenhuma educação. Ele vai para Londres, ele vai de Londres para a Escócia onde Alexander White era o rei do púlpito naqueles dias. E Alexander White fica sentado na ponta da cadeira com aboca aberta. “O que é que este homem tem? Ele não conhece a história muito bem. Ele não cita as escrituras corretamente, mas tem algo sobre ele. Tanto que do outro lado da cidade havia um homem [que escreveu] um livro chamado… Sabe o livro, escrito por Henry Drummond, “Tem Greatest Thing of the World” (A melhor coisa do mundo). É um dos maiores clássicos de todos os tempos. E Alexander White disse a Drummont: “Venha e ouça este homem. Nós nunca tivemos um evangelista como este. “E eles ficaram fascinados. O que teria acontecido se tivesse ido a Londres durante três dias? Mas ele foi por oito meses. Ele foi para a Escócia e há ainda lá a “Tenda do Salão”… E eu acho que eles chamam de tenda do salão, porque as pessoas saíam da tenda que Moodytinha e iam para esse salão. Mas também uma das maiores escolas Bíblicas de todos os tempos, o Instituto Bíblico Glasgow foi fundada por causa disso. E o dinheiro foi dado a ele. Bem, eu vou lhe dizer. Você fala sobre o fundos. Um dos homens mais maravilhosos que eu já vi foi C. T. Studd. Bem, o pai do C. T. Studd’s costumava sair com o rei da Inglaterra. Quando eu estava na Segunda Guerra Mundial, eu fiquei em um dos maiores campos da força aérea na nação e tinha que ir acima da colina e para a direita, à luz do luar onde eu podia ver este local onde o C. T. costumava viver com uma pista de corrida privada. Bem, o papai de C. T. foi para Londres e foi misturado com toda a sociedade, ouviu sobre este pregador ianque (americano). “Bem, vamos lá. “Bem, quando ele chegou lá, alguém pediu para um homem orar, enquanto… Como que vocês chamam agora?

Enfim, Moody estava na plataforma e ia pregar. Então eles cantaram um hino e disseram: “Ore”. Esse cara foi orando e orando. Então Moody se levantou e disse:”Vamos cantar uma musica enquanto nosso companheiro termina. “Então, eles ficaram imediatamente felizes. Sabe, o homem não estava preso a formalismos. Bem, eles escutaram e eu acho que o seu pai foi salvo lá, e como um resultado disto, os três mais famosos jogadores de Cricket da Inglaterra. C. T. era originado do Cricket inglês. Bem, eles foram e toda a sociedade foi também. Bem, C. T. juntou-se com os outros seis formandos e montaram os “Sete de Cambridge” (Cambridge Seven) e foram para a China. Quero dizer, há todos os tipos de coisas que aconteceram a partir daquele único avivamento. Um homem sem estudos que não se importava se alguém risse de suas roupas e tudo mais. E eles receberam oposição. Bem, nada aconteceu como aquilo até 1920 ou 26 ou algo parecido quando George Jeffries foi para as cruzadas na Inglaterra e Steven Jeffries ‘são maiores obras do que isso. E eles iam para uma cidade sem um tostão crendo que Deus iria encher um auditório com 3000 pessoas em uma semana e Ele enchia. E eles não eram grandes expositores [da palavra].

[Entrevistador]: Irmão Ravenhill, em Jeremias, o profeta diz, “Assim diz o Senhor: Ponde-vos à margem no caminho e vede, perguntai pelas veredas antigas. Qual é o bom caminho; andai por ele e achareis descanso para a vossa alma. Mas eles dizem:Não andaremos.” (Jeremias 6:16)

Ravenhill: Bem, voltando irmão de Larry, eu disse [uma vez] que nós apagamos a luz das ruas. Nós não temos mais reuniões de rua. Temos desligado a luz nas noites de domingo, pois muitas igrejas não têm reunião na noite de domingo. Quarta-feira à noite, que é a maior tragédia. As Pessoas dizem: “Você não acha que devemos colocar a Bíblia de volta nas escolas? ”Eu respondo: “Este não é o problema primário. Nós temos que colocá-la de volta nas casas. “Quantas pessoas… Quero dizer, pergunte para os diáconos de sua igreja. Pergunte ao pastor: “Quantos de vocês têm culto em família? “Eles não têm. Assim que a refeição acaba eles têm que ficar na frente da TV e ficam lá até que as crianças vão para cama. Eles não sabem a Palavra de Deus. Veio aqui um homem e sua filha veio trazer-me algumas cartas e ela tem 14anos. Eu disse: “Bem, querida. Quanto das Escrituras você decorou? “Oh, eu não memorizei nada”. Eu disse, “Você conseguiu memorizar os 10 Mandamentos? “Ela não conseguia dizer os 10 Mandamentos.

Dois dias depois um jovem rapaz veio me visitar. Ele vive ao redor da cidade e tem sete filhos. O filho mais velho é de 13 e ele decorou palavra por palavra de todos os capítulos de Provérbios. E o outro rapaz tem 10 anos e ele memorizou 12 capítulos de Provérbios, todas as palavras. O homem acorda com a esposa das 4:00 as 4:30 da manhã. Eles têm uma hora juntos com a Palavra de Deus. Começam com as crianças após as 5:00 e então os ensina a Palavra de Deus e oração. E então seus filhos podem descansar. E então a mãe os ensina o resto do dia ela esta fazendo o home schooling com eles. Como eles fazem isso? Eu não sei. Mas essas crianças são bíblias ambulantes. Nós não conhecemos a Palavra de Deus. Duas coisas que não sabemos. Na verdade, eu disse isto para o homem do seminário [que veio aqui] : “Você conhece a Deus? “Ele disse “Bem, eu não …” Eu perguntei “Não, não … Responda sim ou não”. Ele “Oh, eu aprendi hebraico”. “Eu não perguntei se você conhece hebraico. Você conhece Deus? “Você pergunta 10 jovens em sua igreja para responder em menos de 50 palavras por que Jesus vir ao mundo? [Eles vão responder] Para nos salvar do inferno, Para nos salvar do pecado, E por aí vai. Mas o que é que Jesus diz em João 17:2 “que te conheçam a ti, o único Deus verdadeiro” e é essa a resposta. Mas nós não conhecemos a Deus. Se conhecêssemos Deus nós deixaríamos o mundo pegando fogo. Se conhecêssemos Deus nós não iríamos mendigar por dinheiro.

Adsense (USC – Post)
Vote
Curta e
Compartilhe!
Gostou?
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
Loading...Loading...
Compartilhe este link
Comentários


religião e espiritualidade